it's hard to say it, but time to say it: goodbye



Viste como o tempo passou tão fugazmente, que mal demos por ele? 
Parece que foi ontem que me avisaste, e agora está mesmo quase a chegar. E sabes uma coisa? Sei que me vai custar. E sim, também sei que, para ti, isto pode nem fazer sentido absolutamente nenhum… Mas a verdade é que eu não esperava que fosse doutra maneira, mesmo estando nós assim, já tão distantes. (…) Tu tiveste um tamanho poder em mim e deixaste tão cravadas as tuas marcas, por todo o meu ser. Obviamente que isso são coisas que ficam sempre, por mais que as queiramos meter atrás das costas. E eu não quero. Não quero, não quero, não quero. Mas sempre soubemos que não se tratava realmente de uma opção, pois não? (…) 
Só quero que saibas que nunca me arrependi de nada por que passámos e que jamais esquecerei tudo o que me ofereceste; que me fizeste sentir, por mais que os quilómetros e os tempos se atravessem entre nós. Foste tu quem me mostrou que eu era mais do que parecia… De que era capaz de muito mais. Ensinaste-me a viver e a acreditar em coisas que nunca sequer me dera ao trabalho de tentar compreender. Jamais te esquecerei por tudo isto. (…) E só te quero pedir desculpa por uma coisa: por não ter sido tudo aquilo que esperaste de mim.

Desejo-te toda a sorte do mundo.
Espero encontrar-te daqui a uns anos e ver-te feliz, tal como sempre mereceste.

0 mixed words:

Enviar um comentário

 

partnership

~

LADY WRITER

Eu tenho um sonho. Um sonho que realizo todos os dias: escrever. Agora, também tenho um objectivo: ser escritora. Quiçá, um dia terei o meu nome em capas duras, espalhadas por prateleiras. Até à obra nascer, hei-de sonhar. CONTACTO: imdanierose@gmail.com