& guess what… We're back to the same ol' game.


Fizeste-me acreditar que as coisas iriam ser diferentes. Deste-me expectativas; muitas. E mal chegou à altura de as meteres em prática; de me mostrares que realmente tinhas te apercebido de todas aquelas coisas, acobardas-te e deitas-me abaixo. Nem sei como é que fiquei surpreendida… Já não é a primeira vez que o fazes (e eu deixo). É que tu nem consegues imaginar o quão feliz eu fiquei depois de me teres abordado com tais palavras: quentes, gentis, sinceras e profundas. Pensei que, realmente, irias esforçar-te para não me voltares a afastar; para não te deixares levar, de novo, por essas distracções que aqui encontras… Não o fizeste. Não conseguiste/quiseste fizê-lo. E agora? Agora tenho de deitar abaixo todas as ideias e esperanças que tinha em relação a esta chegada; a este encontro. Porque a verdade é que, no que toca a nós, nada irá realmente mudar. Por mais que mo digas, nos teus fugazes momentos de solidão. Acho que simplesmente não foste feito para me dar valor… Nem a mim, nem às palavras que tu me dizes.

1 mixed words:

  1. “it almost feels like a joke to play out the part
    when you are not the starring role in someone else’s heart
    you know i’d rather walk alone, than play a supporting role
    if i can’t get the starring role.”

    Marina and the Diamonds, Starring role.

    Assim que ouvi estas palavras, achei que te serviam muito bem. *

    ResponderEliminar

 

partnership

~

LADY WRITER

Eu tenho um sonho. Um sonho que realizo todos os dias: escrever. Agora, também tenho um objectivo: ser escritora. Quiçá, um dia terei o meu nome em capas duras, espalhadas por prateleiras. Até à obra nascer, hei-de sonhar. CONTACTO: imdanierose@gmail.com