~ 30 FACTOS SOBRE MIM ~

1. Nasci na Ilha do Pico, que pertence ao Arquipélago dos Açores e onde se encontra o ponto mais alto de Portugal.


2. Tenho fobia a balões de festa – das fobias bizarras mais comuns! Chama-se “globofobia” e a Oprah admitiu tê-la.


3. Um dos meus maiores passatempos é aprender línguas. Nomeadamente, o Alemão, o Francês, o Espanhol e, em breve, o Italiano.


4. Saí da casa dos meus pais aos 17 anos, para viver aonde agora me encontro: Lisboa.


5. Muitos dos meus escritores favoritos cometeram suicídio: Ernest Hemingway, Virginia Woolf, Florbela Espanca, Mário Sá Carneiro e Jack London.


6. As bandas/intérpretes que ouço com mais frequência são: Nirvana, Radiohead, Pink Floyd, Kings of Convenience, Chet Faker, Arctic Monkeys e Tiago Bettencourt (Toranja).


7. O meu filme favorito é “O Pianista” (The Pianist), porque retrata o período histórico que considero mais ‘fascinante’. E “As Horas” (The Hours), baseado no romance de Virginia Woolf, Mrs. Dalloway.


8. Considero-me uma boa conselheira e alguém de confiança (modéstia aparte!).

9. Estou no último ano de licenciatura: Relações Internacionais, no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, em Lisboa.


10. Quando me exalto, torno-me nalguém um tanto sarcástico e arrogante.

11. Sofro de um ‘distúrbio’ de sistema nervoso chamado “Depressão-Ansiedade”, que se manifesta através de ataques (sistemáticos ou esporádicos); uns controláveis e outros nem tanto. Fui diagnosticada com 17 anos.


12. Devoro livros, principalmente romances (mas não dos muito ‘enjoativos’ – a meu ver, claro) e policiais.


13. O meu destino favorito de férias foi a Magaluf, Palma de Maiorca, Espanha - Viagem de Finalistas, em Abril de 2011. 


14. Foi graças à minha avó materna (que também foi a minha primeira professora), que me apaixonei completamente por ler e escrever. Zilda Silva. 


15. Uso óculos desde o 4º ano e tenho 6 dioptrias no olho esquerdo e 4 no direito (o que significa que não vejo um palmo à frente dos olhos). Sofro de miopia e estigmatismo.

16. Tenho claustrofobia (medo de espaços fechados) e não consigo andar de elevador (não dá! É uma espécie de caixão para mim!).

17. Não me interesso absolutamente nada por novelas de qualquer tipo, ou jogos de futebol.

18. A minha bebida favorita é cerveja (para mim, suplanta qualquer sumo. Sim, é verdade). Desculpa avó!


19. Os meu pratos favoritos é strogonoff e canja de galinha (da mãe, principalmente!).

20. Recebi o meu primeiro computador aos 12 anos e comecei logo a aprender a teclar o mais rápido possível sem olhar para o teclado (nerd side of me).


21. Os meus maiores sonhos são percorrer a Europa e publicar um livro (pelo menos).

22. Pretendo tirar um Mestrado no estrangeiro, em Bruxelas.

23. As minhas séries predilectas são: The Big Bang Theory, How I Met Your Mother, Dr. House, Friends, Sex and the City, e The Simpsons.

24. O único animal de estimação que tive foi aos 13/14 anos: uma gata chamada Manchinha e teve de ser abatida devido a hemorragias internas.


25. Sou filha única e os meus pais são ambos empresários por conta própria.


26. Os concertos favoritos que vi ao vivo foram: Linkin Park, Queens of the Stone Age, Kings of Convenience e David Fonseca.


27. Tenho uma memória a curto-prazo bastante limitada, logo, sou praticamente incapaz de decorar datas de aniversário (e datas em geral), recados que me pedem e etc.

28. Como profissão, adorava trabalhar no Parlamento Europeu.

29. A frase cliché que mais abomino é “querer é poder”, porque não é verdade. Muitas vezes, por muito grande que seja o nosso querer, jamais será suficiente (tinha de vir algo deprimente, como é óbvio!).

30. Se pudesse dar um conselho ao mundo inteiro seria: “Estamos todos aqui para sermos felizes. Então, porquê agarrarmo-nos a ódios e a intrigas que, em breve, serão insignificantes? Errem. Aprendam. Errem, de novo, até o fazerem. Aprendam a amar-se e a respeitar-se ao máximo. E nunca tomem ninguém como garantia, porque absolutamente nada o é. Dêem valor a quem vos rodeia. Persigam os vossos sonhos, mesmo que vos digam o quão impossível será. Cometam loucuras e nunca deixem o medo se intrometer no vosso caminho. Façam da vossa vida o mais extraordinário possível. Para, no fim, olharem para trás de modo a que digam a vocês mesmos: repetia tudo de novo, e não mudava nada.

0 mixed words:

Enviar um comentário

 

partnership

~

LADY WRITER

Eu tenho um sonho. Um sonho que realizo todos os dias: escrever. Agora, também tenho um objectivo: ser escritora. Quiçá, um dia terei o meu nome em capas duras, espalhadas por prateleiras. Até à obra nascer, hei-de sonhar. CONTACTO: imdanierose@gmail.com