É querer beijar-te e não poder!


Bebi demais. Fumei demais. Meu Deus, o que é que estou a fazer? É querer beijar-te, é querer tocar-te, é querer sentir-te perto... e não poder! Não quero afugentar-te, mas bebi demais... perdi a noção dos comos, dos quês e dos porquês. Fumei demais e não sei o que é que hei-de fazer. Não consigo parar de olhar para ti, não consigo deixar de pensar nos quês e porquês. Quero beijar-te e abraçar-te na cama, Meu Deus, o que é que estou para aqui a dizer?! É desejar-te, neste momento, em que estás nem eu sei onde! É querer levar-te comigo, a sós, longe dos olhares, em segredo, roubar-te um beijo, sem saberes... Meu Deus, anda ter comigo. Quero beijar-te. Quero beijar-te. Mas porquê?! Que paixão e desejo é este, que sinto, neste momento? Bebi demais, fumei demais e estou a falar demais. Que é que hei-de fazer?

Aparece-me à porta. Quero roubar-te. Quero trincar-te. Quero possuir-te. Quero-te a ti... E se nos deixámos de quês, de comos e de porquês? Beija-me apenas!
Bebi demais. Fumei demais. Meu Deus, o que é que está a acontecer?!

1 mixed words:

  1. Adoro! :)

    Então rouba-lhe um beijo!
    Quem sabe se a pessoa também não está louca pra recebê-lo*

    ResponderEliminar

 

partnership

~

LADY WRITER

Eu tenho um sonho. Um sonho que realizo todos os dias: escrever. Agora, também tenho um objectivo: ser escritora. Quiçá, um dia terei o meu nome em capas duras, espalhadas por prateleiras. Até à obra nascer, hei-de sonhar. CONTACTO: imdanierose@gmail.com